Blondie

É uma banda americana de rock e new wave. Inspirado pela nova cena musical no Mercer Arts Center, Chris Stein se juntou a banda Stillettoes em 1973 como seu guitarrista e formou um relacionamento romântico com a vocalista da banda, Debbie Harry, uma antiga garçonete e coelhinha da Playboy. Debbie participou da banda de folk-rock, the Wind in the Willows, no final dos anos 1960. Em julho de 1974, foi formada uma nova banda com os ex-companheiros do Stillettoes, para dois shows em agosto de 1974, eles se renomearam Blondie em outubro de 1974. O nome é derivado de comentários feitos por caminhoneiros que falavam "Hey, Blondie" para Debbie enquanto ela passava pelas estradas. Na primavera de 1975, Stein e Debbie foram acompanhados pelo baterista Clem Burke e pelo baixista Gary Valentine. A banda se tornou uma banda regular no Max Kansas City e no CBGB. Em junho de 1975, a primeira gravação da banda veio de uma demo produzida por Alan Betrock. Eles recrutaram o tecladista Jimmy Destri em novembro de 1975. A banda assinou com a Private Stock Records. O seu primeiro álbum, Blondie, foi lançado em dezembro de 1976.

 

Em setembro de 1977, a banda recomprou seu contrato com a Private Stock e assinou com a Chrysalis Records. Nesse ano, Gary Valentine deixou a banda e foi substituído por Frank Infante. O músico britânico Nigel Harrison foi contratado como baixista. O seu terceiro álbum, Parallel Lines, foi lançado em setembro de 1978, o álbum alcançou o topo na UK Albums Chart e na sexta posição na Billboard 200. O quarto single, "Heart of Glass" liderou as paradas do Reino Unido e dos EUA. O seu quarto álbum, Eat to the Beat, foi lançado em outubro de 1979. O single "Call Me" ficou no topo na Billboard Hot 100, no Canadá e no Reino Unido. O seu quinto álbum, Autoamerican, foi lançado em novembro de 1980. Com o reggae "The Tide Is High" e "Rapture", que foi a primeira música com Rapping a chegar ao topo nos EUA. Na canção Debbie menciona o hip hop e o artista de grafite Fab Five Freddy, que também aparece no vídeo da música. O seu sexto álbum, The Hunter, foi lançado em maio de 1982. O álbum foi mal recebido. A banda cancelou seus planos de turnê no início de agosto de 1982, devido a vários fatores negativos. Pouco depois, a banda se separou.

 

Em 1996, Stein e Debbie começaram o processo de reunir a Blondie e contataram os membros originais Burke, Destri e Valentine. Sua primeira reunião ocorreu em 31 de maio de 1997, quando tocaram no festival de rock HFStival no RFK Stadium em Washington, DC. O seu sétimo álbum, No Exit foi lançado em fevereiro de 1999. Valentine deixou a banda. O álbum alcançou a terceira posição na UK Albums Chart, e o primeiro single, "Maria", se tornou o seu sexto single número um.  Em 2004, Jimmy Destri deixou a banda para lidar com a toxicodependência. A reabilitação de Destri foi bem sucedida, mas não foi convidado a retornar. A banda foi induzida no Rock and Roll Hall of Fame em 2006. Em 5 de junho de 2008, a Blondie começou uma turnê mundial para comemorar o 30º aniversário do álbum, Parallel Lines. O seu décimo álbum, Ghosts of Download, foi lançado em 12 de maio de 2014 como parte de um pacote de dois álbuns intitulados Blondie 4 (0) Ever, para coincidir com o 40º aniversário da banda, que também incluiu o Greatest Hits Deluxe Redux. A turnê mundial oficial do 40º aniversário da banda começou em fevereiro de 2014. O seu décimo primeiro álbum, Pollinator, foi lançado em 5 de maio de 2017.

 Rockdigital