Casa das Máquinas

É uma banda brasileira de Rock and Roll. A banda começou quando o vocalista José Aroldo Binda e o baterista Luiz Franco Thomaz (Netinho), dois ex-integrantes da banda Os Incríveis, que se juntaram ao guitarrista Carlos Roberto Piazzoli conhecido como Pisca, o baixista Carlos Geraldo Carge, ex-integrante da banda Som Beat, e o tecladista Pique, ex-integrante da banda de Roberto Carlos. No começo ficaram conhecidos como Os novos Íncríveis, fazendo shows por todo o Brasil. Nas apresentações vestiam figurinos, se maquiavam e davam grandes performances teatrais no palco. Em 1974 entraram em estúdio e gravaram o seu primeiro álbum, Casa das Máquinas pela Som Livre. Neste álbum, a banda seguiu um padrão mais hard rock, que lembrava muito o estilo dos Incríveis. O tecladista Pique saiu da banda logo depois da gravação do álbum e Mario Testoni Jr. foi contratado, trazendo o baterista Marinho Thomaz, irmão de Netinho. A banda foi uma das primeiras bandas de rock a ter dois bateristas em sua formação.

 

Eles entraram em estúdio e gravaram o seu segundo álbum, Lar de Maravilhas em 1975, onde foi adotado um estilo mais progressivo. No álbum seguinte ocorreram algumas modificações na sua formação quando Carlos Geraldo e Aroldo saíram. Simbas, ex-vocalista do Mountry, banda de bailes e shows da época, trazendo para o grupo sua voz e seu estilo andrógino nas suas apresentações. A banda entrou em estúdio e gravou o seu terceiro álbum, Casa de Rock, lançado em 1976. Pisca tocou o baixo nesse álbum, mas depois contrataram o baixista João Alberto. Nessa mesma época a banda conseguiu uma apresentação na TV Tupi, que não foi ao ar por causa da censura. Simbas teria vestido roupas chamativas e feito movimentos exóticos na apresentação. O tecladista Marinho Testoni saiu da banda, devido seu contrato ter expirado, sendo convocado pela banda Os Pholhas. A banda continuou sem tecladista fixo. Pisca tocava teclado em algumas musicas que não precisavam de guitarra. Entraram em estúdio e gravaram o videoclipe da música "Casa de Rock" que foi exibido mais tarde no Fantástico, da TV Globo.

 

Em setembro de 1977, durante uma visita à TV Record, em São Paulo, ocorreu um incidente no qual Simbas se envolveu em uma briga com um operador de câmera daquela emissora, que viria a morrer alguns dias depois. O assunto foi crescendo e acabou resultando em um processo contra a banda, que acabou levando ao seu final sete meses depois quando Netinho em um show no Luna Park, em Buenos Aires na Argentina, comunicou ao resto dos integrantes a dissolução do grupo. Em dezembro de 2003. Netinho remontou a banda para uma apresentação única em Matão, interior de São Paulo. A nova formação contou com Netinho, Marinho Testoni e Marinho Thomaz, e convidaram o vocalista Nando Fernandes, o baixista Andria Busic do Dr. Sin e o guitarrista Sandro Haick. O retorno oficial ocorreu no final de 2007. A nova formação com Netinho, seu irmão Marinho Thomaz, Marinho Testoni, Andria Busic e Faiska, se apresentou no Festival Psicodália de Carnaval, na Serra do Tabuleiro, em Santa Catarina, com um público de 3000 pessoas no dia 3 de fevereiro de 2008.

 Rockdigital