LP

 

Long Play, conhecido simplesmente como disco de vinil, surgiu no ano de 1948 para a reprodução musical, que usa um material plástico chamado vinil, normalmente feito de PVC, usualmente de cor preta, que registra informações de áudio, que podem ser reproduzidas através de um toca-discos. O disco de vinil possui microssulcos ou ranhuras em forma espiralada que conduzem a agulha do toca-discos da borda externa até o centro no sentido horário. Trata-se de uma gravação analógica, mecânica. Esses sulcos são microscópicos e fazem a agulha vibrar. Essa vibração é transformada em sinal elétrico. Este sinal elétrico é posteriormente amplificado e transformado em música. A poeira é um dos piores inimigos do vinil, pois funciona como um abrasivo, a danificar tanto o disco como a agulha.

 Rockdigital