Prince

Prince Rogers Nelson, nasceu em Minneapolis, no dia 7 de junho de 1958. Foi um cantor, compositor, multi-instrumentista, produtor e dançarino norte-americano. Filho de pais músicos, ambos são afro-americanos. Na adolescência, Prince fez amizade com uma família vizinha, os Andersons, especificamente com o filho deles, Andre Anderson. Prince e Andre juntaram-se a um primo de Prince, Charles Smith e formaram a banda Grand Central. Prince encarregou-se da parte instrumental da banda, tocando em pequenos clubes de Minneapolis. Em 1976, Prince começa a trabalhar como aprendiz no estúdio de Chris Moon, que o apresenta a Owen Husney. Husney percebe o potencial de Prince e investe em sua carreira. O primeiro álbum de Prince, For You, foi lançado em 1978. Em 1979, Prince propositalmente formou uma banda multi racial, misturando brancos e negros como uma banda que o influenciou muito, a Sly and Family Stone. Seu segundo álbum, Prince, entrou na Bilboard 200. O seu quarto álbum, Controversy é lançado em 1981, com o single de mesmo nome entrando pela primeira vez nas paradas. Em 1982, ele lança o álbum duplo, 1999. As faixas desse álbum, “Little Red Corvette” e “1999” o consagraram como um dos principais artistas negros da época. A música “Delirious”, alcançou o Top 10 da Bilboard Hot 100. Em 1984, Prince passa a chamar sua banda de The Revolution. O álbum, Purple Rain então é lançado junto com o filme de mesmo nome.

 

O álbum ficou 24 semanas consecutivas na parada da Bilboard 200. Duas faixas do álbum, "When Doves Cry" e "Let´s Go Crazy" chegaram ambas no topo dos singles dos EUA e viraram hits internacionais, enquanto a faixa título chegaria ao número 2 da Bilboard Hot 100. Esse álbum foi escolhido pela revista  Rolling Stone como um dos 500 melhores álbuns de todos os tempos. Em 1985, Prince lança o álbum, Around The World In A Day, que chegou ao número 3 das paradas americanas. A faixa "Raspberry Beret" chega ao número 2 na Bilboard Hot 100. A tensão entre os membros da banda aumentava e após a turnê, Prince demite todos. Sign O´The Times, lançado em 1987 como álbum duplo, entra para a lista dos 100 melhores álbuns de todos os tempos da Rolling Stone e da revista Time. Em 1989, Prince volta ao número 1 com o hit "Batdance" da trilha sonora do filme Batman. Diamonds and Pearls, álbum lançado em 1991, marca a estreia de sua nova banda, a The New Power Generation. Seu décimo segundo álbum, The Love Symbol Album, chega ao décimo lugar da parada americana. Em sua capa, não havia nenhum nome, apenas um símbolo impronunciável. Em 1993, ele mudou seu nome para o mesmo símbolo impronunciável      , que junta os símbolos masculino (♂) e feminino (♀) e o usou até 2000. Como o nome é impronunciável, ele preferia ser chamado "o artista anteriormente conhecido como Prince ou simplesmente o Artista. Prince tomou esta atitude por causa da briga judicial com sua gravadora Warner Bros. a respeito dos direitos sobre suas canções. Em 1995 lançou o álbum, The Gold Experience. O álbum alcançou o Top 10 da Billboard 200. Seu álbum seguinte, Chaos And Disorder foi o último pelo selo Warner Bros.

 

Em 16 de maio de 2000, Prince deixou de usar o símbolo impronunciável como nome e voltou a usar Prince novamente. Em 2002, Prince lançou seu primeiro álbum ao vivo, One Nite Alone... Live!. Em 2004, Prince foi induzido no Rock and Roll Hall of Fame. Em abril desse ano, Prince lançou o álbum, Musicology pela Columbia Records. O álbum foi o primeiro das paradas em cinco países, sendo que o sucesso nos EUA se deve ao fato que o CD foi incluído como um brinde na compra dos ingressos da turnê de mesmo nome que o disco. Com o álbum, Prince ganhou dois Grammy, Best Male R&B Vocal Performance para "Call My Name" e Best Traditional R&B Vocal Performance para a faixa título. Em 2005, a Rolling Stone também classificou Prince como o 27º melhor artista de todos os tempos. Em 2015, a Billboard considerou a performance de Prince no SuperBowl do dia 4 de fevereiro como o maior show da história do evento. Em 2010, Prince foi incluso no Grammy Hall of Fame no dia 7 de dezembro. Em 2011, a Rolling Stone ainda o colocaria em 33º em sua lista de melhores guitarristas. Em Atlanta no Teatro Fox, Prince faria seus últimos shows. Após o último concerto, no dia 14 de abril de 2016, Prince foi direto para o aeroporto e, por volta da 1h da manhã, uma ligação de emergência foi feita de seu avião particular que fez um pouso de emergência em Moline, Illinois. Há relatos de que Prince foi tratado de uma overdose de medicamentos controlados na ocasião. No dia 21 de Abril, apenas uma semana após o incidente, Prince foi encontrado desacordado em um elevador de sua mansão em Minneapolis. Uma ligação de emergência foi feita às 9h43 da manhã, mas os atendentes médicos não puderam reavivá-lo e Prince foi declarado morto às 10h07. Tinha 57 anos. 

 Rockdigital