T. A.t.u

 

Foi uma dupla russa de pop rock. A dupla surgiu em 1999, e foi criada por Ivan Shapovalov, um ex-psicólogo infantil que trabalhava com propaganda e tinha muita vontade de dirigir um videoclipe. Shapovalov teve a ideia de criar o seu próprio grupo. O projeto t.A.T.u. foi formado por Shapovalov, a produtora musical e compositora Elena Kiper, e o consultor financeiro e gerente Boris Renski em Moscou, na Rússia. A ideia original da banda era para ser apenas Lena Katina, que foi escolhida entre 400 meninas, mas depois foi adicionada outra menina depois que Kiper sonhou que estava beijando outra mulher e acordou declarando, "Ya soshla s UMA!". Assim surgiu a imagem controversa e o primeiro single do t.A.T.u.. Foi realizada então uma segunda seleção para o segundo membro do duo, na qual foi escolhida Yulia Volkova, que antes havia integrado o grupo Neposedy por três anos, e ao completar 14 anos de idade, ela foi expulsa por cometer atos como fumar e beber. Com o seu grupo já formado, o agora produtor Shapovalov passou a ter a plena liberdade para explorar a imagem das garotas. Foi criada então a imagem da amizade entre duas garotas, que foi interpretada como garotas lésbicas. O seu primeiro álbum, 200 po Vstrechnoy, foi lançado em 2001 na Russia.

 

Devido ao grande êxito do álbum no seu país, Ivan e as garotas contrataram o produtor Trevor Horn, e o álbum foi gravado e lançado pelo mundo todo com o nome de 200 km/h in the Wrong Lane, com versões em inglês das músicas mais famosas do álbum russo e com um cover de "How Soon is Now", do Smiths. O álbum foi lançado em 10 de dezembro de 2002. Após o seu lançamento, o álbum estreou no Top 10 em muitos países europeus. O álbum alcançou a posição 13 na Billboard 200, e se tornou o álbum mais vendido na Rússia. Em dezembro de 2003, as garotas quebram legalmente o contrato com Ivan Shapovalov, alegando que a qualidade da música estava baixa e que ele só queria criar escândalos e polêmicas. Durante as gravações do segundo álbum, Yulia ficou grávida e a finalização do álbum foi adiada. O álbum, Dangerous and Moving, foi lançado em 5 de outubro de 2005. O seu primeiro single "All About Us" fez muito sucesso nesse período. Boris Renski seguiu com a produção musical do t.A.T.u. com a T.A. Music de 2005 a 2009. O seu terceiro álbum, Vesolye Ulybki, foi lançado no dia 15 de dezembro de 2009 na Rússia, e a versão inglesa do álbum, Waste Management, foi lançado em formato digital. Nos Estados Unidos e no Reino Unido, o álbum jamais foi lançado em formato físico.

 

No final de março de 2011, a administração do t.A.T.u. divulgou um comunicado de imprensa em seu site oficial, declarando o término da dupla, devido a conflitos entre as meninas, e as duas querendo seguir carreira solo. Lena se apresentou com Yulia pela primeira vez em uma performance no The Voice of Romania em 11 de dezembro de 2013. Em 3 de dezembro, Lena rompeu com Boris Renski e a T.A.Music, e decidiu seguir uma carreira verdadeiramente independente. Em 27 de setembro de 2013, o t.A.T.u. realizou um concerto em Kiev, na Ucrânia. Lena Katina lançou o seu álbum solo, Lift Me Up, e Yulia Volkova se limitou apenas às apresentações marcadas com Lena, devido suas limitações com a voz. Em 18 de fevereiro de 2014, Lena Katina publicou um vídeo polêmico cancelando os planos de retorno da dupla. Apesar do cancelamento por parte de Lena, o vídeo do ultimo single “Love In Every Moment”, acabou sendo gravado por causa de um contrato, e elas gravaram suas partes separadamente. O single não foi lançado sob o nome t.A.T.u., mas sob os nomes solo das artistas. Em represália, Yulia fez os shows programados com outra garota ruiva interpretando Lena

 Rockdigital