rip.png
Alan Freed

 

Albert James Freed nasceu em Johnstown, Pensilvânia no dia 15 de Dezembro de 1921. Foi um disk-jockey norte-americano.

Em 1945, Alan Freed trabalhou na rádio WAKR em Akron, Ohio e se tornou um favorito local, tocando jazz quente e gravações pop. No final dos anos 1940, Freed conheceu Leo Mintz, dono da Record Rendezvous, uma das maiores lojas de discos de Cleveland. Mintz disse a Freed que notou um interesse crescente pelos discos em sua loja e o encorajou a tocá-los no rádio. Quando ele deixou a rádio WAKR, a cláusula de não concorrência em seu contrato limitou sua capacidade de encontrar trabalho em outro lugar, e ele foi forçado a trabalhar no turno da noite na rádio WJW de Cleveland em 1951. Em abril, com a ajuda de William Shipley, o distribuidor do norte de Ohio da RCA, ele foi dispensado da cláusula de não competição, e foi contratado pela rádio WJW para um programa da meia-noite. Mintz propôs comprar tempo na rádi WJW de Cleveland, que seria inteiramente dedicado a gravações de R&B, com Freed como apresentador. Em 11 de julho de 1951, Freed começou a tocar discos de rhythm and blues na WJW. Embora discos de R&B tenham sido tocados por muitos anos em estações de rádio urbanas de baixa potência voltadas para afro-americanos, essa foi a primeira vez que R&B autêntico foi apresentado regularmente em uma grande estação de grande audiência. Freed chamou seu show de The Moondog House e se autodenominou The King of the Moondoggers. Ele foi inspirado por um instrumental chamado "Moondog Symphony", que foi gravado pelo músico de rua de Nova York Louis T. Hardin, também conhecido como Moondog.

 

Freed adotou o disco como música tema de seu programa. Freed começou a popularizar a frase rock and roll para descrever a música que tocava. Mais tarde naquele ano, Freed promoveu danças e shows com a música que tocava no rádio. Ele foi um dos organizadores de um show de cinco atos chamado The Moondog Coronation Ball em 21 de março de 1952, na Cleveland Arena. Esse evento agora é considerado o primeiro grande show de rock and roll. Multidões compareceram em números muito além da capacidade da arena, e o show foi encerrado mais cedo devido à superlotação e um quase tumulto. Freed ganhou uma notoriedade inestimável com o incidente. A rádio WJW imediatamente aumentou o tempo do programa de Freed, e sua popularidade disparou. A popularidade de Freed fez com que a indústria da música pop tomasse conhecimento. Em julho de 1954, após seu sucesso no ar, ele se mudou para a rádio WINS em Nova York. Hardin, o Moondog original ganhou uma ação contra Freed, bem como um acordo para desistir do uso do nome Moondog. Freed deixou a estação em maio de 1958 após um tumulto em um baile em Boston com Jerry Lee Lewis. No dia 7 de abril de 1956, a CBS Radio Network estreia o primeiro show de Rock and Roll com transmissão nacional regular, o Rock 'n' Roll Dance Party, com Alan Freed como apresentador. Freed também trabalhou na rádio WABC a partir de maio de 1958, mas foi demitido daquela estação em 21 de novembro de 1959 depois de se recusar a assinar uma declaração para a FCC de que nunca havia aceitado suborno de payola. Posteriormente, ele chegou a uma pequena estação de Los Angeles, a KDAY e trabalhou lá por cerca de um ano.

 

Freed também apareceu em uma série de filmes pioneiros do rock and roll durante esse período. A carreira de Freed foi significativamente afetada quando foi demonstrado que ele aceitava payola, pagamentos de gravadoras para tocar discos específicos, uma prática bastante polêmica na época. Em 1960, o payola se tornou ilegal. Em dezembro de 1962, depois de ser acusado de várias acusações de suborno comercial, Freed se declarou culpado. Em 1964, Freed foi indiciado por um grande Júri Federal por evasão fiscal. Por causa da publicidade negativa do escândalo do payola, nenhuma emissora de prestígio contratou Freed, e ele se mudou para a Costa Oeste em 1960, onde trabalhou na KDAY em Santa Monica, Califórnia. Em 1962, após a KDAY se recusar a permitir que ele promovesse shows de rock and roll, Freed se mudou para a WQAM em Miami, Flórida. Reconhecendo que sua carreira nos principais mercados poderia ter acabado, seu consumo de álcool aumentou e o trabalho durou apenas dois meses. Durante 1964, ele retornou à área de Los Angeles para um breve período na estação KNOB de Long Beach. Morando no bairro Racquet Club Estates de Palm Springs, Califórnia, Freed morreu no dia 20 de janeiro de 1965, de uremia e cirrose causada por alcoolismo, aos 43 anos de idade. Em março de 2002, Judith Fisher Freed, sua nora, levou suas cinzas para o Rock and Roll Hall of Fame em Cleveland, Ohio. Em 1 de agosto de 2014, o Hall of Fame pediu ao filho de Alan Freed, Lance Freed, para levar as cinzas embora. A família Freed mais tarde enterrou suas cinzas no cemitério Lake View de Cleveland, um memorial em forma de jukebox com a imagem de Freed.