Culture Club

É uma banda inglesa de rock New Wave. Em 1981, Boy George cantou com o grupo Blitz Club, um grupo Bow Wow Wow, apresentando-se sob o nome artístico de Tenente Lush. Depois que seu mandato com o grupo terminou, George decidiu começar sua própria banda e contratou o baixista Mikey Craig, o baterista Jon Moss e o guitarrista Roy Hay. Percebendo que tinham um gay irlandês como vocalista, um britânico negro no baixo, um inglês loiro na guitarra e teclados e um baterista judeu, eles decidiram nomear a banda de Culture Club. Em 1982, a banda lançou os singles "White Boy" e "I'm Afraid of Me". Em setembro daquele ano, a banda lançou seu terceiro single "Do You Really Want to Hurt Me" que se tornou um dos seus maiores sucessos. A música alcançou o primeiro lugar na UK Singles Chart e número 2 na Billboard Top 100. A estréia da banda foi em 1982 no Top of the Pops. O seu primeiro álbum, Kissing to Be Clever, foi lançado em 4 de outubro de 1982. O seu segundo álbum, Color by Numbers, foi lançado em 10 de outubro de 1983, alcançou o topo na UK Albums Chart e o segundo lugar na Billboard 200.

 

O segundo single, "Karma Chameleon", deu à banda o seu maior sucesso, alcançando o topo na UK Singles Chart, e também na Billboard Top 100. A banda ganhou o Brit Award de Melhor Grupo de 1984 e o Grammy Awards de Melhor Artista Novo. George estava usando drogas, e também se envolveu romanticamente com Moss, o que era desconhecido do público e da mídia na época. O seu terceiro álbum, Waking Up with the House on Fire, foi lançado em 25 de outubro de 1984, alcançou o segundo lugar na UK Albums Chart. No final de 1984, Boy George foi recrutado por Bob Geldof para participar da gravação do Band Aid, e foi o último cantor a gravar uma faixa vocal principal da música "Do They Know It's Christmas?". George desenvolveu um vício em drogas autodestrutivo, que em apenas quatro meses passou da maconha para a heroína. O seu quarto álbum, From Luxury to Heartache, foi lançado em 30 de março de 1986. O primeiro single "Move Away" se tornou um sucesso, chegando ao número 7 na UK Singles Chart e ao número 12 na Billboard 200. No verão de 1986, George finalmente admitiu que estava realmente viciado em drogas. Em julho daquele ano, ele foi preso pela polícia britânica por posse de heroína. A banda terminou e George seguiu uma carreira solo.

 

Em 1998, George e Moss deixaram suas diferenças de lado e a banda se reuniu para fazer uma turnê de reencontro, começando com uma apresentação no VH1 Storytellers. A turnê foi um grande sucesso. O seu quinto álbum, Don't Mind If I Do, foi lançado em 22 de novembro de 1999. O álbum foi um fracasso comercial, chegando apenas ao número 64 na UK Albums Chart. A banda fez uma turnê e depois se reuniu novamente para um show de 20 anos em 2002, no Royal Albert Hall, em Londres. O Culture Club se tornou inativo novamente, em grande parte devido à bem-sucedida carreira de DJ de George. No final de 2011, George fazia parte de uma banda de três membros do Culture Club que realizou dois concertos ao vivo, em Dubai e Sydney, sendo o último um show de Réveillon. Em meados de novembro de 2014, dois dias antes do início de sua turnê de 21 datas nos EUA e no Reino Unido, o Culture Club anunciou que tinha que cancelar a turnê devido a George sofrer de uma doença grave na garganta. A turnê norte-americana acabou sendo remarcada e iniciada em 17 de julho de 2015 no Canadá. O álbum reformulado, Life, creditado a Boy George & Culture Club foi finalmente lançado em 26 de outubro de 2018. Em 2018, o Culture Club percorreu os EUA e a Europa de junho a dezembro, com a sua The Life Tour

 Rockdigital