Sting

Gordon Matthew Thomas Sumner, nasceu em Wallsend, Inglaterra no dia 2 de outubro de 1951. É um músico, cantor e ator inglês. Sting abandonou uma promissora carreira como um atleta quando levou o terceiro lugar numa competição chamada 100 Yard Sprint National Junior Championship. Ele mostrou um talento natural para a música, tocando e organizando suas próprias canções quase imediatamente depois de tocar uma velha guitarra dada por seu tio quando tinha oito anos de idade. Ele tocou com bandas locais como a Phoenix Jazzman, Last Exit e Newcastle Big Band, no início de sua carreira. Suas feições foram utilizadas inicialmente como rosto e demais características físicas do personagem de HQ John Constantine, criação do escritor inglês Alan Moore que vivia na mesma cidade natal de Sting, Newcastle, na Inglaterra. Em 1977, Sting, Andy Summers e Stewart Copeland formaram a banda The Police em Londres. Outro integrante que pertenceu a banda era Henry Padovani que deixou o The Police devido a um conflito durante o festival de Mont Marsans. A banda ganhou seis prêmios Grammy no início da década de 1980. Seu último álbum, Synchronicity foi lançado em 1983. Houve uma tentativa de juntar o grupo novamente em 1986 após um concerto no Live Aid. Devido a relação tensa entre Sting e Copeland e o desinteresse dos companheiros de banda.

 

A banda gravou uma nova versão da música "Don't Stand So Close to Me" que foi gravada na coletânea, Every Breath You Take: The Singles. Em 2007 a banda se reuniu em uma turnê comemorativa dos 30 anos do lançamento do primeiro single do The Police. No cinema, o seu primeiro filme foi Quadrophenia lançado em 1979. Sua primeira aparição solo foi em 1981 em um show para a Anistia Internacional onde tocou "Roxanne" e "Message in a Bottle". Em 1982 gravou o single “Spread a Little Happiness”, uma reinterpretação do musical da década de 1920, Mr. Cinders de Vivian Ellis. Em 1994 fez uma participação especial no álbum, Antônio Brasileiro de Tom Jobim cantando a música "How Insensitive" (Insensatez). Em 1985, Sting lançou o álbum The Dream of the Blue Turtles. O álbum ganhou o Grammy de melhor álbum europeu. Em 1987, lançou o álbum, ...Nothing Like the Sun. A música, "Be Still My Beating Heart", foi dedicada a sua recém-falecida mãe. Em 1991, lançou o álbum, The Soul Cages, dedicado ao pai que havia falecido recentemente. Em 1993, lançou o álbum, Ten Summoner's Tales. Sting chegou ao auge do sucesso em 1994. Juntamente com Bryan Adams e Rod Stewart, que fizeram música "All for Love" para o filme The Tree Musketeers. Em fevereiro ganhou mais dois Grammys. Em 1996, lançou o álbum, Mercury Falling. Em 2001 ganhou outro Grammy por "She Walks This Earth (Soberana Rosa)" incluída no álbum, A Love Affair: The Music Of Ivan Lins.

 

Em 2002, Sting ganhou um Globo de Ouro pela canção Until… para o filme Kate and Leopold. Nesse ano, a Sting foi concedido a honra de Comandante da Ordem do Império Britânico (CBE). No ano de 2003 lançou o álbum, Sacred Love com a colaboração de Mary J. Blige. A sua autobiografia foi lançada em outubro de 2004 lançada pela Broken Music. Sting participou do Live 8 em junho de 2005. Em 2006 lançou o álbum, Songs from the Labyrinth. Em 11 de fevereiro de 2007, Sting reecontrou-se com os outros integrantes do The Police e se apresentaram no Grammy Arwards 2007, cantando "Roxanne" e posteriormente anunciaram a turnê de reunião da banda. O The Police excursionou pela América do Norte, Europa, América do Sul, Austrália, Nova Zelândia e Japão. If On a Winter's Night... é o seu nono álbum, lançado a 26 de Outubro de 2009. O seu décimo álbum, Symphonicities foi lançado a 13 de julho de 2010. The Last Ship é o décimo primeiro álbum, lançado em 20 de setembro de 2013 na Alemanha e em 24 de setembro de 2013 no Reino Unido e nos EUA. O álbum conta com artistas convidados com raízes no nordeste da Inglaterra, incluindo Brian Johnson do AC/DC, e outros. O título é uma alusão ao fechamento dos estaleiros na cidade histórica de construção naval de Wallsend, onde Sting cresceu. O álbum estreou no número 13 na Billboard 200, e no. 6 na Álbuns Top Rock. 57th & 9th, é o seu décimo segundo álbum, e seu primeiro álbum de rock em 13 anos, lançado em 11 de novembro de 2016.

 Rockdigital