The Cramps

foi uma banda americana de punk rock. Lux Interior e a guitarrista Poison Ivy Rorschach se reuniram em Sacramento, Califórnia em 1972 e decidiram formar o The Cramps. Em 1973, eles se mudaram para Akron, Ohio, e em seguida para Nova York em 1975 no inicio da cena punk. A formação em 1976 foi Poison Ivy na guitarra, Lux Interior no vocal, Bryan Gregory na guitarra, e sua irmã Pam Ballam Gregory na bateria, que logo saiu e entrou Miriam Linna, e Nick Knox substituiu Linna em setembro de 1977. No final de 1970, a banda se apresentava regularmente em Nova York em clubes como o CBGB e no Max's Kansas City, lançando dois singles independentes em 1977, antes de assinarem contrato com a gravadora IRS Records. Sua primeira turnê na Grã-Bretanha foi como banda de apoio do The Police na sua primeira turnê pelo Reino Unido. Em junho de 1978, deram um concerto gratuito para os pacientes no Hospital Mental do Estado da Califórnia em Napa, gravado em uma câmera de vídeo e mais tarde lançado como um documentário chamado Live at Napa State Mental Hospital. Eles gravaram dois singles em Nova York, que foram mais tarde re-lançado no  EP Gravest Hits, em 1979. 

 

O seu primeiro álbum, Songs The Lord Taught Us, foi lançado em maio de 1980. A banda se mudou para Los Angeles em 1980 e contrataram o guitarrista Kid Congo Powers. O seu segundo álbum, Psychedelic Jungle, foi lançado em maio de 1983. O seu primeiro álbum ao vivo, Smell of Female, foi lançado em 1983. O mini-álbum foi gravado no The Peppermint Lounge em Nova York nos dias 25 e 26 de fevereiro de 1983. O guitarrista Kid Congo Powers saiu da banda. O álbum alcançou a posição 74 na UK Albums Chart. O seu terceiro álbum, A Date with Elvis, foi lançado em 1986, Fur Jennifer Dixon se juntou a eles na turnê mundial para promover o álbum. Em 1986 a banda contratou Candy del Mar como baixista, que fez sua estréia no álbum ao vivo RockinnReelininAucklandNewZealandxxx, gravado ao vivo no dia 27 de agosto de 1986, no Galaxy, em Auckland, Nova Zelândia, e lançado em 1987. O seu quarto álbum, Stay Sick, foi lançado em fevereiro de 1990. O álbum passou uma semana na posição 62 na UK Albums Chart. Nick Knox deixou a banda em 1991 e foi substituído por Jim Sclavunos na bateria. Candy também saiu e foi substituída por Slim Chance no baixo O seu quinto álbum, Look Mom No Head!, foi lançado em novembro de 1991.

 

The Cramps alcançou o Top 40 no Reino Unido pela primeira e única vez com o single "Bikini Girls with Machine Guns". Jim Sclavunos saiu da banda e foi substituído por Harry Drumdini O seu sexto álbum, Flamejob, foi lançado em outubro de 1994. O seu sétimo álbum, Big Beat from Badsville, foi lançado em 1997. É o único álbum do The Cramps com apenas músicas originais. Em homenagem aos excessos do The Cramps, o Rock and Roll Hall of Fame tem em exposição um bumbo da bateria que foi quebrado com uma cabeçada de Lux durante um show ao vivo. Em 10 de janeiro de 2001, Bryan Gregory morreu em Anaheim Memorial Medical Center, de complicações de um ataque cardíaco, ele tinha 46 anos. Drumdini foi substituído por Chopper Franklin. O seu oitavo álbum, Fiends of Dope Island, foi lançado em 2003 pela sua própria gravadora, a Vengeance Records. Eles tocaram seus últimos shows na Europa no verão de 2006 e seu último show ao vivo foi em 04 de novembro de 2006 no Teatro Marquee em Tempe, Arizona. Em 4 de fevereiro de 2009, o vocalista Lux Interior morreu no Memorial Hospital Glendale, depois de sofrer uma dissecção da aorta. O ex-guitarrista Nick Knox morreu no dia 16 de junho de 2018, ele Tinha 60 anos. 

 Rockdigital