April Wine

 

É uma banda de rock canadense. Os membros originais eram os irmãos David Henman na guitarra e Ritchie Henman na bateria. O primo deles, Jim Henman, se juntou no baixo e Myles Goodwyn nos vocais e na guitarra. A banda enviou uma fita demo para a Aquarius Records, que retornaram com uma carta de rejeição, mas os membros a confundiram com um convite, e em 1 de abril de 1970, a banda foi para Montreal. Apesar do mal-entendido, a Aquarius acabou assinando um contrato com a banda. A April Wine gravou e lançou o seu primeiro álbum, April Wine, em setembro de 1971. O álbum incluiu um single, Fast Train, que foi o hit Top 40 no Canadá e alcançou a posição 38 na RPM Singles Chart. Jim Henman deixou a banda no outono de 1971 e foi substituído por Jim Clench. O seu segundo álbum, On Record, foi lançado em 1972. Os irmãos David e Ritchie Henman saíram da banda, deixando Myles Goodwyn como o único membro original restante. O baterista Jerry Mercer e o guitarrista Gary Moffet foram escolhidos. O seu quarto álbum, Stand Back, foi lançado em junho de 1975. Após a turnê de apoio ao álbum, Jim Clench partiu e foi substituído por Steve Lang. O seu quinto álbum, The Whole World Goin 'Crazy, foi lançado em setembro de 1976. O álbum alcançou o 1º lugar na Canada on the RPM National Album Chart.

 

Em março de 1977, a April Wine foi contratada para fazer um concerto beneficente no El Mocambo Club, em Toronto, Ontário. A banda principal foi uma banda chamada The Cockroaches, que acabou por ser os Rolling Stones. O pseudônimo foi um segredo mal guardado. A apresentação da April Wine foi gravada e lançada como o álbum, Live at the El Mocambo, lançado em 1977. A banda fez sua primeira turnê pelos EUA abrindo os show dos Rolling Stones, Styx e do Rush. Em 1977, Brian Greenway foi contratado como terceiro guitarrista. O seu nono álbum, The Nature of the Beast, foi lançado em janeiro de 1981. O álbum alcançou a posição 24 na Billboard 200. O April Wine embarcou em uma extensa turnê, e no final, a banda entrou em hiato de dezoito meses. O seu décimo álbum, Power Play, foi lançado em julho de 1982. A Power Play Tour foi a mais extensa da banda. O álbum ao vivo, One for the Road, foi lançado em 1985, e foi gravado durante a One More for the Road Tour. A April Wine ainda devia à Capitol Records por contrato mais um álbum. Greenway se juntou a Goodwyn, junto com o tecladista Daniel Barbe, o baixista Jean Pellerin e o baterista Marty Simon, e gravou o que deveria ser o último álbum da banda, Walking Through Fire, lançado em setembro de 1985.

 

Depois do lançamento, Goodwyn lançou um álbum solo e Brian Greenway também lançou um álbum solo após o término da banda, que permaneceu em hiato pelo resto da década de 1980. Em 1992, a April Wine voltou ao palco com um concerto gratuito em Portage la Prairie, Manitoba. A banda reunida fez uma turnê no Canadá e nos EUA. O seu décimo terceiro álbum, Attitude, foi lançado em outubro de 1993. Segal permaneceu com a banda até o seu décimo quarto álbum, fragata, lançado em agosto de 1994. O seu décimo quinto álbum, Back to the Mansion, foi lançado em 2001.  No final de 2006, Clench deixou a banda pela segunda vez e foi substituído pelo baixista Breen LeBoeuf em janeiro de 2007. Um ano depois, Mercer anunciou sua aposentadoria, e foi substituído pelo baterista Blair Mackay em janeiro de 2009. Em 2010, a banda foi induzida no Canadian Music Hall of Fame no Juno Awards em 18 de abril de 2010. Em 3 de novembro de 2010, o ex-baixista Jim Clench morreu em um hospital de Montreal, após uma batalha contra o câncer de pulmão em estágio 4. LeBoeuf deixou a April Wine em julho de 2011 e foi substituído por Richard Lanthier. Mackay saiu em março de 2012 e foi sucedido por Roy Nip Nichol. O ex-baixista Steve Lang morreu em 4 de fevereiro de 2017 aos 67 anos de idade após sofrer da doença de Parkinson.

 Rockdigital