George Thorogood

George Thorogood nasceu em Wilmington, Delaware no dia 24 de fevereiro de 1950. É um cantor e guitarrista americano de blues rock. Thorogood começou sua carreira no início dos anos 1970 como um artista solo acústico no estilo de Robert Johnson e Elmore James, depois de ser inspirado por um concerto de John P. Hammond. No entanto, ele logo formou uma banda, o Delaware Destroyers, com um amigo do colégio, o baterista Jeff Simon. Com músicos adicionais, eles desenvolveram o seu próprio som, uma mistura de Chicago blues e rock and roll. Seus primeiros shows foram no Rathskeller na Universidade de Delaware e no Deer Park Tavern. Depois eles encurtaram o nome da banda para The Destroyers. O seu álbum de estreia, Better Than the Rest, foi gravado em 1974, mas não foi lançado até 1979. Sua grande estreia na gravadora ocorreu em 1976 com o álbum George Thorogood & The Destroyers, lançado em 1977. Em 1978, Thorogood lançou seu segundo álbum com os Destroyers intitulados Move It on Over, que incluiu um remake de Hank Williams "Move It on Over". O album ficou na posição 33 da Billboard Pop AlbumsNo início dos anos 1970, Thorogood suplementou sua renda trabalhando como roadie para Hound Dog Taylor.

 

Durante o final dos anos 1970, Thorogood e sua banda moravam em Boston. O baixista Jan Zukowski da banda Nighthawks tocou na formação do Destroyers no concerto Live Aid na Filadélfia, PA, em 13 de julho de 1985. Thorogood ganhou sua primeira exposição do mainstream abrindo shows para os Rolling Stones durante sua excursão de 1981 nos EUA. Thorogood and the Destroyers também se tornaram conhecidos por seu cronograma de turnês rigoroso, incluindo a turnê "50/50" de 1981, em que a banda visitou todos os 50 estados dos EUA no espaço de 50 dias. Depois de dois shows em Boulder, Colorado, Thorogood e sua banda voaram para o Havaí para um show e, em seguida, realizou um show no Alasca na noite seguinte. No dia seguinte, a banda voou para o estado de Washington, e continuou um show da turnê estadual por todos os cinquenta estados em exatamente cinquenta noites. Além disso, eles tocaram em Washington, DC no mesmo dia em que realizaram um show em Maryland, tocando 51 shows em 50 dias. Essa maior visibilidade ocorreu quando o contrato de Thorogood com a Rounder Records tinha expirado. Ele assinou com a EMI América Records e em 1982 lançou a canção, "Bad to the Bone", e um álbum do mesmo nome. A canção tem sido usada frequentemente na TV e no cinema.

 

Em 1985, Thorogood & Destroyers fizeram uma turnê pelo oeste do Canadá. Born to Be Bad é o sétimo álbum lançado em 1988 pela EMI. O álbum alcançou a posição 32 na Billboard 200, ficando nas paradas por 24 semanas. Boogie People é o seu oitavo álbum. Foi lançado em 1991 e alcançou o a posição 77 na Billboard 200. O seu décimo álbum, Rockin 'My Life Away foi lançado em 1997 na Capitol Records. O álbum atingiu o quinto lugar na Billboard Top Blues Album chart. O seu décimo terceiro álbum, The Hard Stuff foi lançado em 30 de maio de 2006 pela Eagle Records. O álbum atingiu a posição 27 nas paradas da Billboard. Foi o seu primeiro álbum gravado após a saída do saxofonista Hank "Hurricane" Carter, um membro que participou 23 anos no Destroyers. O décimo quarto álbum, The Dirty Dozen foi lançado em 28 de julho de 2009 e alcançou o primeiro lugar na Billboard Top Blues Albums e ficou nas paradas por 11 semanas. 2120 South Michigan Ave foi o seu décimo quinto álbum. Foi lançado em 14 de junho de 2011 pela Capitol Records. O álbum atingiu o segundo lugar na Billboard Top Blues Albums chart. Em 2015, foi lançado o álbum, George Thorogood and the Delaware Destroyers, que é um novo remix do álbum George Thorogood and the Destroyer de 1977.

 Rockdigital