Janis Joplin

 

Janis Lyn Joplin, nasceu em Port Arthur, 19 de janeiro de 1943. Foi uma cantora e compositora norte-americana. Joplin foi para a Universidade do Texas, na cidade de Austin, onde começou a cantar blues e folk com amigos. Cultivando uma atitude rebelde, Joplin se vestia como os poetas da geração beat. Mudou-se do Texas para San Francisco em 1963. Passou a morar no bairro de North Beach e a trabalhar como cantora folk. Nessa época, Janis intensificou o uso de drogas e passou a usar heroína. Depois de retornar a Port Arthur para se recuperar do vício das drogas, ela voltou para San Francisco em 1966, onde seu interesse pelo blues a aproximou do grupo Big Brother & The Holding Company.

 

A banda assinou um contrato com o selo independente Mainstream Records e gravou um álbum em 1967. Entretanto, a falta de sucesso de seus primeiros singles fez com que o álbum fosse retido até seu sucesso posterior. O auge da banda foi a sua participação no Festival Pop de Monterey, com uma versão da música "Ball and Chain" e os marcantes vocais de Janis. O álbum seguinte da banda, Cheap Thrills, de 1968, fez a fama de Janis, foi seu álbum de maior sucesso. Continha a música "Piece of my heart", que atingiu o primeiro lugar nas paradas da revista Billboard e se manteve na posição durante oito semanas não consecutivas. Ao sair da banda no final de 1968, Janis formou um grupo chamado Kozmic Blues Band, que a acompanhou no Festival de Woodstock.

 

Com o grupo, Janis gravou o álbum I Got Dem Ol' Kozmic Blues Again Mama! de 1969, que veio a ser premiado como disco de ouro. O grupo se separou, e Joplin formou, então, o Full Tilt Boogie Band. O resultado foi o álbum Pearl de 1971, lançado após sua morte. No dia 3 de outubro de 1970, Janis visitou o estúdio Sunset Sound Recorders, em Los Angeles, na Califórnia, para ouvir o instrumental da música "Buried Alive in the Blues". A gravação dos vocais de Janis estava agendada para o dia seguinte. À noite, ela foi para o hotel. No dia das gravações, ela não apareceu no estúdio. Então, John Cooke o empresário da banda foi até o hotel, onde a encontrou morta, vítima de overdose de heroína possivelmente combinada com efeitos do álcool. Sua morte ocorreu quando ela tinha apenas 27 anos. 

 Rockdigital