Fats Domino

Antoine Dominique Domino nasceu em Nova Orleans no dia 26 de fevereiro de 1928. Foi um cantor americano, compositor e pianista de rock e R&B. Domino atraiu a atenção nacional com a música "The Fat Man" em 1949 gravada pela Imperial Records. Essa música é uma das primeiras gravações de rock and roll. O seu primeiro álbum, "Carry on Rockin", foi lançado em novembro de 1955. Sua versão para a música de 1940 "Blueberry Hill" alcançou o segundo lugar no Top 40, foi primeiro lugar nas paradas R&B por 11 semanas, e foi seu maior hit.

 

Fats aparece nos filmes, Shake, Rattle & Rock! e The Girl Can't Help It, lançados em 1956. Em 2 janeiro de 1956 um tumulto acabou com um show de Fats Domino em Fayetteville, Carolina do Norte. Até o começo de 1962 Fats continuou lançando uma série de sucessos pela Imperial Records, incluindo "Walkin' to New Orleans" de 1960, e "My Girl Josephine" no mesmo ano. Depois que a gravadora foi vendida no começo de 1963, Fats abandonou o selo, e se mudou para a gravadora ABC-Paramount Records em 1963. No final de 1964 a invasão britânica mudou o gosto musical do público da indústria fonográfica e os sucessos de Fats Domino acabaram.


Em 1986 foi incluído na primeira leva de artistas a serem homenageados no Rock and Roll Hall of Fame e premiado com o Grammy Lifetime Achievement Award em 1987. Quando o Furacão Katrina estava se aproximando de Nova Orleans em agosto de 2005, sua produtora encorajou a participar da evacuação da cidade, mas ele escolheu permanecer em sua casa com sua família, parcialmente por causa das condições fracas de saúde de sua esposa. Mais tarde no mesmo dia, a CNN reportou que Fats Domino e a sua família foram resgatados por um helicóptero da guarda costeira. Em 2004, a revista Rolling Stone classificou na posição 25 na lista dos 100 Grandes artistas de todos os tempos. Fats Domino morreu em 24 de outubro de 2017, em sua casa em Harvey, Louisiana, aos 89 anos, de causas naturais, de acordo com o escritório forense.

 Rockdigital