Sigue Sigue Sputnik

Foi uma banda britânica de new wave. A banda foi formada por Tony James, que tinha deixado a banda Generation X em 1981, e o guitarrista Neal X que recrutou o "post-punk drag queen" Martin Degville no vocal, que era um designer de roupas e forneceu o guarda-roupa da banda. A loja YaYa onde Martin trabalhou, tornou-se a base da banda. O primeiro show da banda foi em Paris, apoiando Johnny Thunders, com o baterista Mark Laff. Fachna O'Kelly, gerente do The Boomtown Rats, que tinha fornecido grande parte do equipamento da banda, sugeriu o nome Sigue Sigue Sputnik, como suposta referência a uma gangue de rua russa. Em 1984, James foi entrevistado pela NME, com várias gravadoras que enviaram representantes para sua próxima performance no Electric Cinema, em Londres, e foram convidados para tocar no The Tube. A banda assinou contrato com a EMI. O primeiro single "Missile F1-11" produzido por Giorgio Moroder, foi lançado em fevereiro de 1986 e alcançou a posição 3 na UK Singles Chart.

 

Sua popularidade foi impulsionada por sua inclusão no filme Ferris Bueller's Day Off de John Hughes. O segundo single "21st Century Boys" de 1986 alcançou a posição 20 na UK Singles Chart. O seu primeiro álbum, Flaunt It, foi lançado em março de 1986, com Moroder nos controles. O álbum foi Top 10 no Reino Unido e também Alcançou a posição 96 na Biilboard 200. O álbum incluiu comerciais pagos entre faixas. James explicou que o mercantilismo é desenfreado na sociedade. O segundo álbum, Dress for Excess, lançado em 1988, alcançou a posição 53 na UK Albums Chart. A banda se separou em julho de 1989, com James se juntando ao The Sisters of Mercy naquele mesmo ano. Chris Kavanagh foi para o Big Audio Dynamite II junto com Mick Jones. Mayhew formou o Mayhem Deranged. Degville viajou e fez Specialist, um filmes pornô. Em 1995, James, X e Kavanagh formaram uma nova versão da banda com Christopher Novak nos vocais, John Green nos teclados e o ex-guitarrista Bob Derwood Andrews.

 

A música "Cyberspace Party" foi um grande sucesso no Japão, e o seu terceiro álbum, Sputnik: The Next Generation, foi lançado em 1996 no Japão. A banda se separou novamente, mas foi reformada por James novamente em 1998, desta vez com Degville nos vocais e com Claudia Cujo na bateria, como Sputnik 2.0. A banda foi reformada em 2000 por Degville, James e X, que resultou na gravação do seu quarto álbum, Piratespace, lançado em 2000. O seu quinto álbum, Blak Elvis vs. The Kings of Electronic Rock and Roll, foi lançado em 2002. O seu sexto álbum, Ultra Real, foi lançado em 2003. No ano seguinte, Degville deixou a banda para seguir carreira solo, e se apresentou como Sputnik2, Sputnik2 The Future, e Sigue Sigue Sputnik ElectronicNeal X tem tocado com Marc Almond. James formou mais tarde o grupo Carbon / Silicon com Mick Jones

 Rockdigital