chuck.jpg
Chuck Berry - Johnny B Goode
rip.png
Chuck Berry

Charles Edward Anderson Berry, nasceu em Saint Louis no dia 18 de outubro de 1926. Foi um compositor, cantor e guitarrista americano. Berry começou a tocar numa gravadora chamada Chess. As primeiras gravações de Chuck Berry, como Maybellene, de 1955, sintetizavam totalmente o formato rock and roll, combinando blues com música country. O seu primeiro álbum, After School Session, foi lançado em maio de 1957 pela Chess Records. Foi o segundo LP lançado pela Chess. Em 1959, Berry convidou uma índia apache de 14 anos que havia conhecido no México para trabalhar em seu clube noturno em St. Louis. A garota acabaria sendo pega pela polícia, assim como Berry, que foi acusado de entrar com uma menor nos limites do estado com propósitos sexuais. O seu terceiro álbum, Chuck Berry Is on Top, foi lançado em julho de 1959. A canção "Maybellene" alcançou o quinto lugar na Billboard Hot 100. A canção "Johnny B. Goode" foi um grande sucesso, alcançando o segundo lugar na Billboard Hot R&B Sides Chart e na oitava posição na Billboard Hot 100. O seu quarto álbum, Rockin 'at the Hops, foi lançado em julho de 1960. Ele foi condenado a cinco anos de prisão e foi multado. O seu quinto álbum, New Juke Box Hits, foi lançado em março de 1961. Ao contrário de seus quatro álbuns anteriores, apenas duas faixas foram lançadas anteriormente em singles de 45 rpm, ambos lados de seu álbum do mês anterior, "Little Star" com "I'm Talking About You".

 

O álbum foi gravado e lançado enquanto Berry estava em meio a dificuldades legais que o levaram à prisão em 1962. A publicidade adversa desses problemas jurídicos afetou as vendas de seus discos, e o single mencionado não alcançou as paradas da Billboard Hot 100Berry foi solto em 1963, mas seus dias de glória ficaram para trás. Chuck Berry grava um álbum com Bo Diddley, Two Great Guitars, lançado em agosto de 1964 pela Checker Records, uma subsidiária da Chess Records. Em 18 de outubro de 1963, Berry foi libertado da prisão após ter passado 20 meses preso devido à condenação por uma acusação sob a Lei Mann, que em sua forma original, o ato tornava crime o envolvimento em transporte interestadual ou de comércio exterior de qualquer mulher ou menina para fins de prostituição ou libertinagem, ou para qualquer outro propósito imoral. O seu sétimo álbum, St. Louis to Liverpool, foi lançado em 1964. Ele alcançou a posição 124 na Billboard 200, e foi o primeiro dos álbuns de estúdio de Berry nessa posição. O seu nono álbum, Fresh Berry's, foi lançado pela Chess Records no Reino Unido em novembro de 1965 e nos EUA em abril de 1966 como um LP em formatos mono e estéreo. Foi o último álbum de Berry de novo material para a Chess Records. O seu décimo álbum, Chuck Berry's Golden Hits, foi lançado em 1967 pela Mercury Records. O seu décimo quarto álbum, Back Home, foi lançado em 1970 pela Chess Records. O título do álbum se refere ao seu retorno á sua primeira gravadora. O seu décimo quinto álbum de estúdio, San Francisco Dues, foi lançado em 1971. 

O seu décimo sétimo álbum, Bio, foi lançado em 1973. O seu décimo oitavo álbum, Chuck Berry, foi lançado em 1975. Algumas edições deste álbum levam o título de Chuck Berry '75. A filha de Berry, Ingrid, contribuiu com os vocais de apoio. Esse foi o último lançamento de Berry com a Chess Records. O seu décimo nono álbum, Rockit, foi lançado em 1979 pela Atco Records. Foi seu único lançamento pela gravadora. Foi o último álbum de estúdio de Berry em 38 anos. Berry teve problemas legais novamente em 1979, quando foi considerado culpado de sonegação de impostos. Ele foi sentenciado a quatro meses de prisão e a cumprir 1,000 horas de trabalho comunitário fazendo shows beneficentes. Em 1986, Keith Richards organizou para seu ídolo confesso um grande show para comemorar seus 60 anos, realizado em Saint Louis. Nele foi filmado o documentário Hail! Hail! Rock 'n' Roll, no qual Chuck Berry, acompanhado de Etta James, Julian Lennon, Robert Cray, Eric Clapton, entre outros convidados. Chuck Berry foi um dos primeiros músicos incluído no Rock and Roll Hall of Fame em 1986A polícia e os paramédicos do condado de St. Charles, no Missouri, atenderam uma chamada da casa de Chuck Berry, onde o encontraram inconsciente. Os paramédicos não conseguiram reanimá-lo e ele foi declarado morto, no dia 18 de março de 2017. O seu vigésimo e último álbum, Chuck, foi lançado em 9 de junho de 2017. Berry faleceu entre o anúncio de sua gravação em seu 90º aniversário. Postumamente, alcançou o Top 10 do Reino Unido.