Carl Perkins

Carl Lee Perkins nasceu em Tiptonville, Tennessee no dia 9 de abril de 1932. Foi um cantor norte-americano de rockabilly. Perkins e seu irmão Jay tiveram seu primeiro trabalho pago como artistas na taberna Cotton Boll na Highway 45 ao sul de Jackson nas noites de quarta-feira no final de 1946. Uma das canções que eles tocaram foi uma versão de Bill Monroe, "Blue Moon of Kentucky". Dentro de um mês Carl e Jay começaram a tocar nas noites de sexta e sábado na taverna Sand Ditch, perto da fronteira ocidental de Jackson. Perkins escreveu "Blue Suede Shoes" e lançou em 1 de Janeiro de 1956, "Blue Suede Shoes" que foi um enorme sucesso. Nos Estados Unidos, ele chegou ao topo na Billboard magazine's country music

 

Pouco antes do nascer do sol em 22 de março de 1956, na Rota 13 entre Dover e Woodside, Delaware, Stuart Pinkham, depois de bater na traseira de um caminhão, o carro entrou em uma vala e Perkins foi lançado fora do carro e ficou deitado de bruços na água. O baterista Holland tirou Perkins, salvando-o de afogamento. O motorista do caminhão, Thomas Phillips, um agricultor de 40 anos de idade, morreu quando ele foi lançado sobre o volante. Jay Perkins teve o pescoço fraturado e ferimentos internos graves, ele nunca se recuperou totalmente e morreu em 1958.


Perkins foi induzido no Rock and Roll Hall of Fame em 1987. "Blue Suede Shoes" recebeu o Grammy Hall of Fame AwardEm 1989, Perkins assinou um contrato com a gravadora Platinum Records  para o álbum  Friends, Family, and Legends. Durante a produção deste álbum, Perkins desenvolveu câncer de garganta. Seu último grande concerto foi o Music for Montserrat all-star concerto de caridade em Londres, no Royal Albert Hall em 15 de setembro de 1997. Perkins morreu quatro meses depois, em 19 de janeiro de 1998, com a idade de 65 anos, em Jackson-Madison County Hospital, em Jackson, Tennessee , de câncer na garganta depois de sofrer vários derrames.  

 Rockdigital