John Lennon


John Winston Winston Lennon, nasceu em Liverpool na Inglaterra no dia 9 de outubro de 1940, foi um músico inglês. Na adolescência, liderou a banda The Quarrymen, Em 1957, Paul McCartney foi convidado a ingressar na banda. Em 6 de fevereiro de 1958, o jovem guitarrista George Harrison juntou-se à banda. Após uma turnê de apoio na Escócia, a banda mudou definitivamente seu nome para The Beatles em 1960. Em 1966, John Lennon conheceu a artista plástica japonesa Yoko Ono no Indica Gallery de Londres, onde a artista estava expondo suas obras. Na época Lennon era casado com Cynthia Powell, a sua primeira esposa, mãe de seu primeiro filho, Julian Lennon. Ele pediu o divórcio no mesmo ano, alegando adultério.

 

Lennon se casou com Yoko em 1969 e aproveitando-se da ocasião, fizeram uma campanha a favor da paz, ficando um mês na cama. O evento foi intitulado de Bed-in ou Na Cama Pela Paz realizada no Hotel Hilton, em Amsterdã. No final do mesmo ano, Lennon comunicou aos seus parceiros de banda que estava deixando o The BeatlesLennon já tinha causado polêmica com o álbum Two Virgins, cuja capa, aparecia ele e Yoko nus. Nos anos 70, o casal participou de movimentos e campanhas contra a Guerra do Vietnã e se juntou a ativistas como Jerry Rubin, Abbie Hofmann e Angela Davis, o que lhe causou sérios problemas com o governo americano. 

 

Após reconciliar-se com Yoko, vencer o processo de imigração e conseguir o Green Card, Lennon decidiu afastar-se da música para dedicar-se à criação de seu segundo filho, Sean Lennon, nascido no mesmo dia de seu aniversário, em 1975. Depois de 5 anos de reclusão, voltou a lançar um álbum, o Double Fantasy. Na noite de 8 de dezembro de 1980, quando voltava para o apartamento onde morava em Nova York, John foi abordado por Mark David Chapman que disparou 5 tiros com um revólver calibre 38. John Lennon morreu após perder cerca de 80% de seu sangue, aos quarenta anos de idade. Lennon recebeu uma Estrela na Calçada da Fama de Hollywood em 30 de setembro de 1988. Ele foi considerado o 55º melhor guitarrista de todos os tempos pela revista Rolling Stone.

 Rockdigital