Slash

Saul Hudson nasceu em Hampstead, Londres no dia 23 de julho de 1965. É um guitarrista de rock inglês. Slash recebeu esse apelido de Seymour Cassel, um amigo de seu pai, pois segundo Seymour, o garoto estava sempre apressado (slashed, em inglês), e posteriormente ele foi adotado como seu nome artístico. Slash formou sua primeira banda, Tidus Sloan, em 1981, ao lado de alguns colegas da escola, sem vocalista. Em 1983, ele e seu amigo Steven Adler formaram a banda Road Crew, nome baseado na canção "(We Are) The Road Crew" do Motörhead. Slash colocou um anúncio num jornal à procura de um baixista e recebeu uma resposta de Duff McKagan, que se juntou ao grupo. Eles fizeram audições com uma série de vocalistas, mas não encontraram ninguém adequado, e o grupo se separou. Pouco tempo depois, Slash se juntou a banda local Hollywood Rose, que contava com o vocalista Axl Rose e o guitarrista Izzy Stradlin. Após algumas semanas, a banda se fundiu com a L.A. Guns, e Axl criou o nome Guns N' Roses. Pouco tempo após a criação do Guns N' Roses, Axl teve um grande desentendimento com o guitarrista Tracii Guns, que saiu da banda, e Axl convidou Slash para substituí-lo.

 

Guns N' Roses lançou seu primeiro álbum, Appetite for Destruction, em 21 de julho de 1987, e no ano seguinte, o álbum alcançou o topo na Billboard 200. Em 1994, Slash criou um projeto paralelo chamado Slash's Snakepit. Em 1996, a relação de Slash e Axl estava muito desgastada, e Slash deixou a banda no fim daquele ano. Ele se desligou oficialmente do Guns N' Roses em 31 de dezembro de 1995. Em 1999, Slash decidiu formar uma nova versão da Slash's Snakepit com o baixista Johnny Griparic e outros músicos de apoio. A banda assinou um contrato com a Koch Records, e lançou o seu primeiro álbum, Ain't Life Grand, em 2000. Em 2001, a saúde de Slash estava muito debilitada devido ao seu grave alcoolismo, e o guitarrista sofreu um sério ataque cardíaco. Quando a turnê acabou em 2002, os músicos se separaram e o Slash's Snakepit foi permanentemente encerrado. Em 2002, Slash se reuniu com Duff McKagan e Matt Sorum para um concerto em homenagem a Randy Castillo, um baterista que falecera vítima de câncer pulmonar. Após a apresentação, Slash convidou Dave Kushner, que já havia tocado com Duff anteriormente, para se juntar ao grupo. Scott Weiland, do Stone Temple Pilots foi contratado como vocalista.

 

Em 2003, o grupo adotou o nome Velvet Revolver e durante o verão foi lançado seu primeiro single, "Set Me Free", mais foi apenas em 2004 que eles lançaram o seu primeiro álbum, Contraband, que chegou ao topo na Billboard 200. Após a turnê, a banda iniciou um hiato para descansar. Em 2007, a banda lançou o seu segundo álbum, Libertad, e iniciou uma segunda turnê mundial. Durante uma apresentação em 2008, Scott anunciou para o público que seria a última turnê da banda, e ele saiu no mês seguinte para se reunir ao Stone Temple Pilots, e o grupo entrou em pausa para que todos os outros integrantes trabalhassem nos seus projetos. O seu primeiro álbum solo, Slash, foi lançado em abril de 2010 O álbum tem a participação de Ozzy Osbourne e Fergie, e alcançou o terceiro lugar na Billboard 200. Em abril de 2011, o Velvet Revolver não encontrou um vocalista e entraram em pausa nos próximos anos. O seu segundo álbum solo, Apocalyptic Love, foi lançado em maio de 2012, e alcançou o quarto lugar na Billboard 200. Em 2012, Slash foi introduzido no Rock and Roll Hall of Fame como um dos membros da formação clássica do Guns N' Roses. Slash se apresentou com o Guns N' Roses pela primeira vez depois de 23 anos durante o show secreto da banda no Troubadour em Los Angeles no dia 1 de abril de 2016.